Aos domingos, 8h15 no

teste teste teste
Intolerância à lactose
Saúde

Intolerância à lactose

Entenda tudo sobre esse distúrbio

Por Sempre Bem

A lactose é um açúcar encontrado no leite dos animais e também nos produtos feitos a partir dele – queijos, iogurtes, requeijões e outros laticínios. Para ser consumida pelo nosso organismo, a lactose precisa da lactase, uma enzima responsável por isso. Quando o organismo possui uma deficiência nessas enzimas ou apresenta a falta delas, o sistema digestivo não consegue digerir o açúcar do leite, causando a intolerância à lactose.

Segundo dados de uma pesquisa feita em 2014, cerca de 70% dos brasileiros adultos apresentavam sintomas da intolerância à lactose. Existem três tipos de intolerância à lactose, que são:

- Primária: comum em pessoas mais velhas, pois o número e eficiência das lactases vão diminuindo ao longo do tempo.

- Secundária: pode ocorrer em qualquer tipo de pessoa em decorrência de alguma doença ou ferimento interno no organismo. Cirurgias também podem contribuir para o surgimento.

- Congênita: esse tipo é o mais raro e se apresenta quando a pessoa já nasce com a intolerância devido a alguma herança genética.

A intolerância à lactose causa muito desconforto físico. Confira abaixo alguns dos principais sintomas.

  • • Inchaço abdominal;
  • • Dor de estômago;
  • • Náusea;
  • • Gases e flatulência;
  • • Cólicas abdominais.

Além disso, a intolerância também está associada à desnutrição, perda de peso e crescimento lento de bebês.

E como conviver com esse problema? Tomando certas medidas e cautelas, é possível levar uma vida normal. A pessoa que sofre com a intolerância deve consumir de forma moderada vários alimentos lácteos, como manteigas, sorvetes, milk-shakes e iogurtes, entre outros. Ler o rótulo de alimentos e bebidas é uma ótima dica para descobrir se o que você vai consumir tem lactose ou não.

Alguns tratamentos também incluem o consumo da enzima lactase em forma de cápsulas, reduzindo assim os efeitos do açúcar presente no leite.

Atenção

Muitas pessoas confundem a intolerância à lactose com alergia a leite de vaca, mas esses problemas são diferentes um do outro. A pessoa que sofre com essa alergia não consegue sintetizar as proteínas presentes no leite da vaca e apresenta sintomas similares a qualquer outra reação alérgica, como coceira e vermelhidão na pele.

Por Sempre Bem

Comentários

Recomendamos

Cantinho da Bruna

Bruna Thedy mostra que uma produção não precisa de muito para fazer bonito.

Conheça