Aos domingos, 8h15 no

teste teste teste
Disfunção Temporomandibular
Saúde

Disfunção Temporomandibular

Conheça um pouco mais sobre essa doença que atinge muitos brasileiros

Por Sempre Bem

A articulação temporomandibular (ATM) liga a mandíbula ao crânio e é responsável por todos os movimentos dos maxilares e da boca, como deglutição, mastigação e fala. Quando existe alguma imperfeição, como, por exemplo, dentes tortos, essa articulação pode ser prejudicada e desencadeia uma disfunção, a DTM (disfunção temporomandibular).

O diagnóstico dessa disfunção é importante, porém difícil, pois os sintomas da DTM são parecidos ou até mesmo iguais aos sintomas de outras doenças.

Sintomas

- Dores na face e nos maxilares
- Dificuldade para mastigar ou falar
- Ruídos ou estalos ao abrir e fechar a boca
- Travamento da abertura da boca
- Pressão atrás dos olhos
- Dor ou zumbido nos ouvidos
- Dor de cabeça
- Inchaço na lateral do rosto
- Problemas para dormir
- Dor constante com períodos de piora no decorrer do dia

Essa disfunção atinge com mais frequência mulheres de 20 a 50 anos e pode ser de origem muscular, articular, mista ou reumatológica.

A muscular é a versão mais clássica. Caracteriza-se por um excesso de tensão na musculatura.
Na articular, são más-formações e desgastes que comprometem a articulação.
Os casos de DTM Mista, segunda forma mais comum do problema, envolvem tanto o músculo como a articulação.
Já a reumatológica é rara, causada por uma degeneração do disco e da articulação temporomandibular. O disco articular é responsável por diminuir o atrito do movimento de abrir e fechar a boca.

Para realizar um tratamento mais completo, em alguns casos, é preciso visitar mais de um especialista, dependendo dos sintomas, como dentista, otorrino, e até mesmo um clínico geral. A bateria de exames é extensa:

- Um exame odontológico para mostrar se há alinhamento precário dos dentes
- Exame da articulação e dos músculos conectores para verificar a sensibilidade
- Pressionar ao redor da cabeça procurando por áreas que estejam doloridas ou sensíveis
- Deslizar os dentes de um lado para o outro
- Observar, sentir e escutar a mandíbula abrir e fechar
- Raios X para verificar anormalidades

Anote alguns cuidados que podem ser feitos no seu dia a dia que ajudam a prevenir o aparecimento dessa disfunção.

- Evite comer alimentos duros e mascar chicletes
- Aprenda técnicas de relaxamento para reduzir o estresse e a tensão muscular
- Mantenha uma postura correta, principalmente se você trabalha o dia inteiro em frente ao computador
- Mude de posição com frequência, descanse as mãos e os braços e alivie os músculos tensionados

Por Sempre Bem

Comentários

Cantinho da Bruna

Bruna Thedy mostra que uma produção não precisa de muito para fazer bonito.

Conheça