fbpx

Aos domingos, 8h15 no

teste teste teste
Homem jovem fazendo exame de vista Homem jovem fazendo exame de vista Foto: Adobe Stock
Saúde

Olhos saudáveis: principais problemas de visão

Cuide da saúde dos olhos para enxergar mais e melhor 

Por Sempre Bem

Um dos cinco sentidos, a visão é fundamental para percebermos os objetos à nossa volta. Por isso, cuidar dos olhos pode fazer muita diferença na hora de ler um cartaz, o livro que você tanto gosta e até enxergar as cenas na televisão. Além disso, esses cuidados devem começar desde cedo, afinal, quem não quer ter olhos saudáveis, não é verdade?!

Os olhos são muito sensíveis e sofrem com as agressões externas: luz forte, impurezas, radiação solar são alguns desses agentes. Os problemas de visão podem causar desconfortos, como dores de cabeça e visão embaçada, entre outros. 

Por isso, o Sempre Bem ouviu o oftalmologista Marcus Chiganer, do Rio de Janeiro, para pontuar os principais problemas que afetam a saúde dos olhos e como eles podem ser corrigidos. Confere aí!

 

MIOPIA

Miopia é a dificuldade de enxergar objetos de longe. "É quando a imagem se forma antes da retina", explica o oftalmologista Marcus Chiganer, do Rio de Janeiro. A genética é um dos principais fatores de risco: se um dos pais é míope, a criança tem 30% de chance de também ser. 

De acordo com Organização Mundial da Saúde, em 2020, aproximadamente 35% da população, deve ter miopia. Para 2050, a previsão é de que mais da metade da população mundial seja afetada. Atualmente, 35 milhões de brasileiros são míopes.

Principal sintoma: dificuldade para enxergar de longe: os objetos parecem embaçados.

Tratamento: uso de óculos, lentes de contato ou cirurgia refrativa. 

HIPERMETROPIA

Hipermetropia é a dificuldade de enxergar de perto, objetos próximos e principalmente a leitura de textos fica inviável. "Nesse caso, a imagem se forma depois da retina", pontua o oftalmologista.

Principais sintomas: visão embaçada; cansaço ocular e sensação de peso ao redor dos olhos.

Tratamento: uso de óculos, lentes de contato ou cirurgia refrativa.  

ASTIGMATISMO

Visão dupla ou borrada e dificuldade para leitura. O especialista explica: "Isso se deve a uma alteração na curvatura da córnea". Na maioria dos casos, está associado com outros problemas de refração, como miopia ou hipermetropia. 

Principais causas: histórico familiar e miopia

Tratamento: uso de óculos, lentes de contato ou cirurgia refrativa. 

HÁBITOS SIMPLES PODEM AJUDAR A ENXERGAR MELHOR! 

  • - Evite coçar os olhos
  • - Tenha sempre um colírio por perto 
  • - Use óculos escuros com proteção contra raios ultravioleta
  • - Higienize bem o estojo e as lentes de contato e não durma com elas. 
  • - Lave os cílios duas vezes por semana com shampoo neutro infantil. Isso evita o acúmulo de gorduras 

GLAUCOMA

Perda da visão periférica. A pessoa enxerga bem o que está à frente, mas não vê o que está na lateral; na maioria dos casos, atinge os dois olhos. O glaucoma é uma doença silenciosa, causada pelo aumento da pressão intraocular e pode causar até cegueira. Pode aparecer em qualquer idade, mas é mais frequente a partir dos 40 anos. 

O glaucoma é responsável por 12% dos casos de perda de visão em adultos. É uma enfermidade crônica, degenerativa e a principal responsável pela perda irreversível da visão. Projeções da OMS indicam que ela afetará 80 milhões de pessoas em 2020 e 111,5 milhões em 2040.

Tratamento: colírios ou cirurgia

Diabéticos devem procurar o oftalmologista a cada seis meses. A doença pode afetar a retina e até levar à cegueira. É preciso estar atento! 


CATARATA 

É a impressão de enxergar com a visão nublada. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a catarata é responsável por 51% dos casos de cegueira no mundo, o que representa aproximadamente 20 milhões de pessoas.

Segundo o Conselho Brasileiro de Oftalmologia - CBO, a catarata atinge aproximadamente 5% da população global com idade entre 60 e 65 anos; 12%, na faixa de 65 a 70 anos, e 40% acima de 70 anos.

"O paciente perde a nitidez sendo necessário realizar a substituição do cristalino por uma lente intraocular", explica o oftalmologista. Acontece mais nos idosos, mas a superexposição à luz solar e o diabetes também são fatores de risco importantes para o aparecimento da doença.

Tratamento: cirurgia

LUZ AZUL

Cuidado com equipamentos eletrônicos. A luz azul emitida por celulares, tablets, computadores e videogames é tóxica para a retina e pode levar à cegueira. Modere a exposição a esses equipamentos.

DICA! Mantenha uma distância de 50 a 70 centímetros dos equipamentos eletrônicos e controle o tempo de exposição a eles.

PISQUE MAIS!

PISCAR COM FREQUÊNCIA AJUDA A LUBRIFICAR OS OLHOS E EVITA  RESSECAMENTO E COMPLICAÇÕES NA VISÃO.

Cuide da saúde dos olhos! Vá ao oftalmologista, pelo menos, uma vez ao ano

Conteúdos relacionados

Este artigo encontra-se originalmente publicado na edição 34 da revista Pague Menos Sempre Bem, que tem o Bráulio Bessa na capa.

Por Sempre Bem

Comentários

Recomendamos

Renu Fresh Multiuso 60 ml Colírio Systane Ul 10 ml Protetor Ocular Adulto Nexcare 12 Unidades Blephagel 40g + 100 Lenços para pálpebras e cílios Gel Para Higiene Das Mãos Dauf 880g

Cantinho da Bruna

Bruna Thedy mostra que uma produção não precisa de muito para fazer bonito.

Conheça