fbpx

Aos domingos, 8h15 no

Por Sempre Bem

Dançando Se Vive Mais e Melhor

Quem dança seus males espanta! A dança é uma atividade aeróbica que proporciona melhorias na função cardiorrespiratória. Além de ser ótima para perder peso, ela alivia o estresse, ajuda na tonificação muscular e muito mais! Confira a matéria.

No ritmo da saúde

Não importa o ritmo, o lugar, o horário nem os olhares… dançar faz bem para o corpo e para a alma. O Sempre Bem mostra agora porque essa teoria é a mais pura verdade.

Sabe aquele ditado quem canta seus males espanta? Nesta turma de dança, esse ditado vai muito mais além: quem dança seus males espanta muito mais! E o professor de dança Felipe Porfírio vai explicar tudo sobre essa atividade.

Principais benefícios da dança

De acordo com o especialista, dança é uma atividade aeróbica que tem melhorias na função cardiorrespiratória, perda de peso, alivia o estresse, melhora a tonificação muscular e muito mais! 

Além dos benefícios físicos, os mentais são fundamentais. “Chegam alunas vindas de casos de depressão e baixa autoestima. Com um tempo, elas dão um up e a evolução é perceptível. Isso é muito gratificante”, declara Felipe Porfírio.

Dançar acaba sendo uma terapia, pois a pessoa perde calorias e ainda ganha na questão mental. A administradora Carla Fernandes é um grande exemplo de quem sentiu os benefícios da dança na mente. “Eu tenho um leve transtorno de déficit de atenção, então, eu junto diversão e cognição. Deu muito certo”, declara.

Élida Lins, advogada, conta que faz a musculação frequentemente e a dança é um complemento, em que ela deixa o estresse e os problemas, e se sente feliz. Enquanto a educadora física Gabriela Souza conseguiu, por meio da dança, um namorado, além de se sentir mais leve, bonita e bem à vontade com o corpo.  

Diferencial

O grande diferencial da atividade é que as pessoas com limitações de articulação e por algum motivo não pode ou não gosta de fazer uma aula da musculação, a dança é adaptável. 

“Chegam alunas com várias patologias e aqui elas conseguem fazer exercício, suar e se divertir. Tem gente que não gosta de puxar ferro e vem pra cá para fazer a sua atividade e sair superfeliz”, completa o profissional.

Dança na terceira idade

A dança também traz benefícios, principalmente na terceira idade, onde se “compartilha energias e aprende as histórias das danças”, complementa Ronnie Von, complementa professor de dança.

A Crisantina Borges, dona de casa, conta que a dança é um exercício físico excelente, tanto na coordenação motora como na memória. Se a pessoa for tímida, a prática da atividade melhora 100%, além de ajudar a fazer mais amigos. Em caso de dores, a dança elimina todas, deixando a pessoa mais leve e plena.

Dançar é sinônimo de felicidade

A professora universitária Irene Nogueira comenta que dança há muito tempo e o segredo dessa atividade é estar sorrindo a cada passo e ritmo. Por meio da dança, ela se sente de bem com a vida e de bom humor, além de afastar a tristeza. 

Conteúdos relacionados

Matéria originalmente veiculada no programa de 3 de novembro de 2019.