fbpx

Aos domingos, 8h15 no

Por Sempre Bem

Doce e TPM: entenda a relação entre os dois

As mulheres sabem bem do desejo que sentem por doces quando estão na TPM, mas você conhece a origem disso e como evitar os excessos? Assista agora.

Doce e TPM

Todos os meses as mulheres passam pelo ciclo menstrual. Ele é um fator importante da saúde da mulher, mas traz alguns desconfortos para a maioria das mulheres. A tensão pré-menstrual é apenas um deles. Quando chega, dias antes da menstruação, a TPM pode aumentar o desejo de comer doces.

Para a ginecologista Lilian Serio, “a TPM é o período que acontece quando a mulher ovula. Assim que acaba a ovulação, o organismo começa a produzir um hormônio que prepara o corpo para uma gravidez. Só que, na maioria das vezes, a mulher não vai engravidar, mas vai sofrer todas as transformações como se fosse engravidar”.

Sintomas da TPM

O que vai acontecer normalmente é o inchaço, a retenção de líquido, o emocional fica mais abalado, a mulher fica chorona, ansiosa, estressada e irritada. A jornalista Júlia Ionele sabe bem o que é isso.

“Quem convive comigo identifica quando estou na TPM. Eu fico logo mal-humorada, super antissocial, altamente estressada e brigo a ponto de chorar e de me isolar e me excluir”, comenta.

Progesterona x Serotonina

O hormônio da TPM, chamado de progesterona, prepara o organismo da mulher para uma gravidez. É esse hormônio que segura a gravidez durante os nove meses. Como essa progesterona está muito alta, suprime o hormônio da alegria e da felicidade, que é a serotonina.

“É como se tivesse um desbalanço, onde a progesterona aumenta e a serotonina fica inibida. E para compensar a falta da serotonina, a pessoa desconta no doce ou na massa que acaba virando doce no organismo. Isso dá uma certa saciedade para o estresse da TPM”, explica a especialista.

Júlia Ionele afirma que atualmente é muito difícil o período da TPM, porque nos cinco dias já sente a necessidade de que não precisa se alimentar direito, mas precisa consumir açúcar. “Eu vou comprar um bombom, mas não me sacia. Preciso comer 20 seguidos para aliviar o sentimento de culpa, angústia e tensão”, conta.

Conforme a médica, o consumo de doces de forma exagerada pode causar outros prejuízos, como aumentar as cólicas menstruais e o fluxo vir aumentado.

Tratamento

É indicado substituir os doces comuns pelos doces fits, por exemplo, os lowcarbs que têm baixo carboidrato e baixo teor de açúcar. Eles também são doces, mais saudáveis, que dão uma saciedade.

“Eu via que não conseguia superar o período da TPM sem a compulsão por doces. Por isso, procurei um médico especializado com quem eu faço um acompanhamento para poder conviver com esse vício. Hoje, na TPM, eu consumo doce, mas de forma moderada”, cita a jornalista.

Fazer atividade física é uma aliada no combate à TPM e para conquistar mais bem-estar. “Quando a gente desconta o estresse na atividade física, isso ajuda muito mais do que você comer doces. A pessoa coloca para fora todo aquele mau humor, além de se sentir mais leve”, aborda Lilian Serio.

Matéria originalmente veiculada no programa de 8 de setembro de 2019.