fbpx

Aos domingos, 8h15 no

Por Sempre Bem

Alimentação Preventiva É Grande Aliada Da Saúde

Para se ter uma vida longa e saudável, não tem mistério, basta adotar uma dieta correta e equilibrada, praticar exercícios físicos e evitar o estresse. 

Por isso, a gente começa o programa de hoje falando do primeiro critério que é a alimentação. Ela pode ser uma aliada importantíssima na prevenção de doenças. 

A gente está recebendo no Sempre Bem a nutricionista Mikayla Azevedo para falar mais sobre o assunto.

Como uma boa alimentação pode ajudar na saúde?

“A alimentação é imprescindível na saúde. Quanto mais natural possível for o alimento, ele terá uma quantidade maior de nutrientes”, explica a nutricionista.

Fazer uma refeição completa e complexa

Quanto mais completa for a refeição, mais rica em nutrientes ela vai ser. Por exemplo, uma refeição com carboidrato, proteína e lipídios (gorduras) oferece uma gama de nutrientes que podem ser melhor absorvidos nesse caso.

Isso é diferente de comer apenas uma fruta, que é muito rica e saudável; do que pegar uma fruta, colocar uma fibra (fonte de carboidrato mais complexa) e um iogurte (fonte de proteína), que deixa a refeição mais completa e rica.

Alimentos saudáveis e suas características

  • A couve representa todas as folhas, folhagens e verduras que são ricas em fibras. Todos os vegetais mais verde-escuros são mais ricos em ferro;
  • A banana representa todas as frutas que são ricas em vitaminas e alguns minerais, como potássio;
  • O iogurte mais branquinho é o mais natural, com menor lista de ingredientes, sem açúcar e aditivos;
  • A sardinha é riquíssima em ômega 3 e supersaudável;

Suplementação

Existe também a suplementação, caso a pessoa não consiga por algum motivo absorver por meio dos alimentos. 

“Em caso de deficiência, particularmente, recomenda-se uma suplementação. Ela também pode vir sem a deficiência, como o ômega 3, que tem uma absorção muito boa e vai ajudar a prevenir doenças cardiovasculares”, ressalta Mikayla.

Confira também (Probióticos podem combater obesidade e outras doenças)

Há os probióticos, as bactérias que habitam no intestino e ajudam na digestão de alguns nutrientes e na saúde intestinal.

Pode fazer suplemento manipulado e personalizado de acordo com as carências e necessidades da pessoa?

Para a nutricionista, no momento em que são feitos os exames bioquímicos e se identifica uma certa restrição ou carência, o paciente pode sim suplementar como forma de prevenir outros problemas que podem estar associados. Para isso, é importante sempre consultar um médico ou um nutricionista. 

Conteúdos relacionados

Matéria originalmente veiculada no programa de 31 de março de 2019.