fbpx

Aos domingos, 8h15 no

Por Sempre Bem

Obesidade Infantil Cresce E Preocupa

Agora o assunto é obesidade infantil. Estima-se que no Brasil, em 2025, teremos mais de 11 milhões de crianças obesas.

O Sempre Bem recebe Ana Flávia Torquato que é endocrinologista e Rochele Riquet que é nutricionista infantil para tirar as dúvidas sobre essa condição que afeta negativamente a saúde e o bem-estar de uma criança, que é a obesidade infantil. 

Por que existe esse aumento de peso na infância?

De acordo com a endocrinologista, são vários fatores associados, como a disposição de alimentos hipercalóricos que são oferecidos para crianças e adolescentes; as crianças praticam menos atividade física que antes; além da predisposição genética, onde filho de pais obesos tem 80% de chance de vir a se tornar um adulto obeso. 

Quais são as consequências da obesidade infantil para uma criança?

As consequências são médicas e psicológicas. Existem crianças já com diabetes, pressão alta e problemas de colesterol.

Saiba mais em (Diabetes: dieta é essencial para evitar complicações)

Os alimentos mais nutritivos são mais caros, isso também pode influenciar a obesidade?

“Os alimentos industrializados são realmente mais caros. Existe uma tendência e uma demanda aumentada para esses alimentos. Então a indústria sabe disso e acaba aumentando esses valores”, explica Rochele Riquet.

Os alimentos naturais são mais saudáveis, quando comparados aos industrializados, além de ser uma opção muito mais barata.

Conselho para os pais que têm filhos obesos 

Confira as dicas que a Rochele Riquet preparou:

  • Realizar a programação na hora de montar os lanches da escola
  • Trocar alimentos mais açucarados por alimentos mais naturais
  • Substituir suco de caixinha que é rico em açúcar, aditivos e corantes pelos naturais ou procurar industrializados que sejam mais saudáveis e que vêm com fruta e sem corantes
  • Fazer bolo em casa em vez de comprar o industrializado

Como preparar uma lancheira saudável

Na lancheira das crianças, o ideal é que se tenha fontes de carboidrato, proteína e fruta.

  • O carboidrato como fonte de energia, por exemplo, sanduíche e bolo 
  • A fruta vai trazer os minerais e vitaminas
  • As gorduras boas, como castanhas
  • Os produtos lácteos podem entrar tanto no sanduíche (preparações com patês e queijos) quanto no iogurte
  • O suco, de preferência, o natural

Conteúdos relacionados

Matéria originalmente veiculada no programa de 17 de março de 2019.