Aos domingos, 8h15 no

teste teste teste
O poder das frutas
Bem-Estar

O poder das frutas

Saiba a importância de incluí-las na sua dieta para garantir mais saúde

Por Sempre Bem

Naturais, fontes de vitaminas e fibras, pobres em gorduras e com poucas calorias. Essas são algumas características das frutas, um item fundamental na nossa alimentação. O consumo regular de frutas está associado à diminuição da mortalidade e à redução do surgimento de doenças crônicas, como as doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer. Apesar de ser uma delícia, há quem não goste de consumir a fruta in natura; nesse caso, uma boa opção são as saladas de frutas. Capriche na variedade e nas cores, pois cada grupo de cor é fonte de um nutriente.

A vitamina C é considerada a rainha das vitaminas, pois fortalece nosso sistema imunológico e nos protege contra diversas doenças. Fontes: morango, kiwi, laranja, limão e acerola.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), deve-se consumir de 3 a 5 porções de frutas (ou 400 gramas) por dia, dependendo da idade e das necessidades de cada pessoa. É importante consumir diferentes tipos de fruta.

A vitamina A também é superimportante para a nossa saúde, pois forma uma barreira contra os vírus, protegendo nosso organismo de diversas infecções. Além disso, é responsável pela saúde dos olhos, cabelos e pele. Fontes: frutas amareladas (manga, abacaxi, laranja) e vegetais verde-escuros.

No ano passado, o Ministério da Saúde lançou a segunda edição do livro “Alimentos Regionais Brasileiros”. O objetivo é estimular a população a consumir uma alimentação saudável, capaz de promover saúde e mais qualidade de vida, reduzindo a obesidade, o diabetes, a hipertensão e outras doenças. O exemplar traz sugestão de uma porção de frutas, legumes e verduras, divididos por região do país, valor nutricional e algumas curiosidades sobre os alimentos, além de diversas receitas saudáveis.

O Brasil é o terceiro maior produtor mundial de frutas frescas, com aproximadamente 43 milhões de toneladas.

Como escolher a fruta:

• Abacate – deve ter a casca bem lisa, fina e verde. Aperte-o suavemente, deve estar firme.
• Abacaxi – deve ter perfume agradável, adocicado. Ao pressionar com os dedos, não deve estar muito duro. A casca deve ser dourada. Puxe uma folha da coroa: se sair facilmente, está bem maduro.
• Banana – o ideal é comprar frutas firmes, livres de partes moles ou machucados, e com casca amarela e pequenas manchas. Se não for consumir de imediato, escolha as que estão ligeiramente verdes.
• Laranja – deve ser média, com a pele lisa e brilhante. Se a ponta estiver dura, é sinal de que tem pouco suco.
• Limão – deve ter a casca bem lisa. Isso é sinal de bastante suco.
• Maçã – escolha as que têm a pele lisa, fina, brilhante, sem manchas escuras ou partes moles. Quanto mais vermelha a maçã, mais doce.
• Mamão – amadurece muito rapidamente. Deve ser firme, sem amassados, com a casca lisa e de coloração alaranjada.
• Manga – deve ter consistência firme e macia. Prefira as mais perfumadas se for consumir no dia.
• Melão – escolha os que têm casca firme, coloração viva e sem rachaduras. Quando comprimido nas extremidades, se for bom e maduro, cede à pressão dos dedos.
• Morangos – o ideal é que estejam firmes, vermelhos, com brilho e perfume característicos, sem amassados, é claro.
• Pêra – se está ligeiramente macia, cede um pouco ao toque. Se o cabinho sai facilmente, está bastante madura, pronta para comer no dia.
• Pêssego – deve ter a casca firme, mas não dura. Quando está maduro, exala perfume.

Por Sempre Bem

Comentários

Cantinho da Bruna

Bruna Thedy mostra que uma produção não precisa de muito para fazer bonito.

Conheça