Aos domingos, 8h15 no

teste teste teste
Sono depois do almoço?
Bem-Estar

Sono depois do almoço?

A culpa pode ser da sua alimentação. Saiba o que evitar para diminuir esse desconforto.

Por Sempre Bem

Sabe aquele soninho incontrolável que insiste em aparecer depois do almoço? A culpa pode ser da sua refeição que você acabou de fazer. Especialistas afirmam que o sono pós-almoço pode estar associado a erros alimentares em relação à qualidade e quantidade de comida.

O excesso de carboidrato nas refeições, principalmente no almoço, é comum devido a grande variedade que os restaurantes oferecem, e umas das causas da sonolência é a forma como esse ingrediente é metabolizado. Ao ingerirmos alimentos ricos em carboidratos simples, acontece um pico de glicemia no sangue, que é seguido por uma baixa. Nesse momento, sentimos essa falta de disposição que pode vir seguida de sono.

Depois de uma refeição farta, o sistema digestivo precisa de muita oxigenação para realizar suas funções e por isso o corpo diminui o fluxo sanguíneo de outras áreas, inclusive do cérebro.

A solução para controlar esse sono arrebatador é maneirar no carboidrato, aumentar o consumo de legumes para dar mais saciedade e fracionar as refeições, para não ir almoçar com muita fome e correndo o risco de exagerar na quantidade.

Então no cardápio, além de legumes e saladas em grandes quantidades, inclua porções de carne magra sem gordura. E para o carboidrato, escolha arroz integral, quinoa, batata doce e aipim, mas sem exagerar hein?!

Além disso, uma boa dica é apostar em uma alimentação estimulante. Os chás preto, verde e mate são ótimas opções para dar aquela animada durante o dia. Mas não exagere no consumo, tome no máximo 4 xícaras por dia.

Por Sempre Bem

Comentários

Cantinho da Bruna

Bruna Thedy mostra que uma produção não precisa de muito para fazer bonito.

Conheça