De segunda a sexta, 8h30 na

teste teste teste
Acne solar
Beleza

Acne solar

Conheça os cuidados necessários para evitar esse problema típico do verão

Por Sempre Bem

No verão, o que você realmente deseja é curtir o sol e pegar aquele bronze. Porém, além de uma bela cor, o sol também pode causar acnes. Bolinhas avermelhadas, endurecidas, com a presença de pus e, muitas vezes, doloridas, são resultados de uma exposição solar prolongada e sem nenhuma proteção.

Essas acnes costumam aparecer no rosto, costas, ombros e colo, por serem as áreas mais afetadas pelo sol. O aumento do suor, o calor e a oleosidade da pele propiciam o aparecimento das acnes típicas do verão.

E, para preveni-las, basta tomar alguns cuidados básicos:

  • - O ideal é utilizar protetor solar, os chamados de "oil free", ou seja, que não são de base oleosa. Esses são os melhores e devem ser aplicados antes e durante a exposição ao sol.
  • - Evitar pegar sol entre 11h e 16h.
  • - O uso de um chapéu com abas largas e de roupas folgadas e frescas são bons métodos para evitar que a pele fique muito exposta, diminuindo, assim, o risco de desenvolver a acne solar.
  • - Aumentar o consumo de verduras de cor verde-escura. Brócolis, couve, rúcula, espinafre e outras são ideais, pois são ricas em vitamina A, que reduz a produção de sebo.
  • - Abusar da água, sucos e chás: A hidratação é fundamental para o equilíbrio do metabolismo, além de diminuir processos inflamatórios como os da acne.
  • - Escolher um sabonete que reduza a oleosidade sem ressecar demais a pele: Quanto mais o sabonete resseca a pele, mais gordura produz para compensar a eliminação desta pelo sabonete.

Agora, mesmo com todos esses cuidados, se as temíveis espinhas aparecerem, recomenda-se fazer um tratamento o quanto antes para evitar que a pele fique manchada. O tratamento pode ser feito com as medicações usualmente utilizadas para tratar a acne, como esfoliantes e antibióticos em loção ou gel, quando houver inflamação. O peeling também é uma boa opção para tratar esse tipo de espinha. Porém, para realizar esse procedimento, é importante procurar um especialista para fazer uma avaliação do seu caso. Mesmo sem tratamento, com o passar do tempo e evitando a exposição ao sol, a acne solar tende a ir melhorando gradativamente.

Anotaram as dicas para evitar a acne solar? Então, agora é só colocá-las em prática e curtir a estação mais quente e mais esperada do ano. Boas férias!

Por Sempre Bem

Comentários

Cantinho da Fê

Fernanda Queiroga mostra que uma produção não precisa de muito para fazer bonito.

Conheça